quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Sacada de oportunidade de Ecclestone

Discutimos aqui basicamente o futebol, já dá bastante material. Mas vou abrir uma exceção: O senso de oportunidade e faro para negócios de Bernie Ecclestone é impressionante.
Ele e a sua namorada foram assaltados em Londres, roubaram tudo deles, jóias, dinheiro e o relógio do Todo-poderoso da F1, valor da sacanagem dos bandidões britânicos chegou a R$ 540 mil reais.
Na mesma semana, Ecclestone participou de uma campanha publicitária dos relógios Hublot, com a cara toda arrebentada, obra dos bandidões, e o mote da peça é:
" Veja o que as pessoas fazem por um Hublot"
Bem sacado.

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Palmeiras: Quase falindo. R$ 150 milhões em dívidas.

Com dívida de aproximadamente R$ 150 milhões, o Palmeiras antecipou as rendas de TV do Campeonato Paulista até a edição de 2014 da competição, segundo informações do Conselho de Orientação Fiscal. Com isso, o comprometimento da renda invadirá a gestão dos próximos dois presidentes do clube do Parque Antarctica.

O mandato do próximo presidente, que será definido nas eleições marcadas para o próximo mês, encerra-se no começo de 2013.
O último balancete do Palmeiras apontou que o clube fechou outubro no vermelho. O deficit foi de R$ 5 milhões, o que empurra a dívida do clube para cerca de R$ 150 milhões.
O clube esperava conquistar o título da Copa Sul-Americana para amenizar a situação financeira.

Curtas: Torcedor do Flu morre na fila dos ingressos

É brincadeira. É assim que o ser humano é tratado? Vamos chamar de cliente também.
Descaso, pouco respeito e absoluta certeza de impunidade.
mas o quê estou dizendo, não vai mudar absolutamente NADA.
Meus sentimentos à família.

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Corinthians oferece Mala Branca ao Guarani, revela lateral.

O lateral-esquerdo Moreno tem jogado pouco no Guarani, mas é o personagem central de uma polêmica que ronda o Brinco de Ouro às vésperas do jogo contra o Fluminense, no próximo domingo, no Engenhão. Na segunda-feira, ele declarou ao jornal Lance! que teria recebido o contato de um diretor influente do Corinthians para acertar uma suposta mala branca que seria enviada como incentivo ao clube de Campinas. Vale lembrar que o Timão depende de, pelo menos, um empate do Guarani para ter alguma chance de título brasileiro. No entanto, as declarações de Moreno geraram um mal-estar geral no Bugre, entre jogadores, comissão técnica e diretoria.
Nesta terça, na reapresentação do elenco, rebaixado após a derrota para o Grêmio, a conversa tomou conta do clube. Um jogador titular, que não quis se identificar, admitiu que Moreno conversou com alguns jogadores a respeito da mala branca. E que o assunto seria resolvido dentro do elenco, sem participação da diretoria.
- São coisas internas, que não deveriam ter sido expostas. Todo mundo sabe que existe, mas mesmo assim é chato - disse o jogador.
Na comissão técnica, as declarações de Moreno também tiveram impacto. No treino desta terça-feira, no Brinco de Ouro, o jogador teve uma conversa particular com o técnico Vágner Mancini, no meio do gramado. Mancini deu uma dura no lateral-esquerdo, que ouviu a tudo cabisbaixo e pouco retrucou. Depois, ele se juntou ao grupo e participou normalmente da atividade. Moreno foi revelado pelo Corinthians, no início da década, e conhece membros da diretoria do clube do Parque São Jorge.
Representando a diretoria, o coordenador técnico Waguinho Dias mantém a postura que já havia adotado na segunda-feira, em entrevista ao GLOBOESPORTE.COM. Ele diz não participar de negociações por mala branca e garante que não recebeu contatos de Corinthians e Cruzeiro. A decisão, para Waguinho, ficará a cargo dos jogadores. Moreno não passou a situação para a cúpula do Bugre.
- O atleta não veio comunicar nada a nós, soubemos disso pela imprensa. Não conversamos com o Moreno, mas vamos entender o que se passa. Mas tenho de dizer que não é uma situação da diretoria, os atletas que se resolvam em relação a isso. Se houver qualquer acordo entre os jogadores, a diretoria não sabe de nada - afirmou Waguinho Dias.

Fonte: Globo.com


Após a grande repercussão da entrevista de Moreno, a tendência é que o elenco não aceite mais as ofertas dos clubes interessados em um tropeço do Flu. O clube carioca tem 68 pontos na classificação, contra 67 do Corinthians e 66 do Cruzeiro. Para reforçar a rejeição de qualquer incentivo, os jogadores do Guarani estão com os salários em dia.



- Acho que não há mais clima. E temos é de jogar pela nossa honra - disse o jogador.

Ricardo Teixeira é envolvido em esquema de corrupção segundo a mídia Européia

O programa "Panorama", da rede britânica BBC, um jornal suíço e outro alemão afirmaram ontem que obtiveram papéis que indicam que o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, o ex-presidente da Fifa João Havelange e outros dois dirigentes internacionais de futebol receberam propinas de empresa de marketing ligada à Fifa.
O nome de Teixeira não aparece nos papéis, mas, de acordo com a BBC, os pagamentos ao presidente da CBF teriam sido feitos por meio de uma empresa com sede em Liechtenstein chamada Sanud. Totalizariam US$ 9,5 milhões (R$ 16 milhões).
O valor que aparece junto às iniciais JH (João Havelange, segundo a BBC) é de 1,5 milhão de francos suíços (cerca de R$ 2,6 milhões).
A Fifa se recusou a falar sobre o assunto. A CBF, porém, fala que o caso é "requentado" (leia "CBF nega acusação e põe caso no passado").
Nos papéis exibidos pela BBC aparecem ainda os nomes de Issa Hayatou, da CAF (Confederação Africana de Futebol), e do paraguaio Nicolás Leoz, presidente da Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol).
Na frente, valores que teriam sido pagos pela ISL (International Sport and Leisure). Totalizam US$ 100 milhões (R$ 173 milhões).
A empresa, que trabalhou para a Fifa por 20 anos e faliu em 2001, era especializada em marketing esportivo e em negociações de transmissões de jogos pela TV.
Teixeira, Hayatou e Leoz fazem parte do comitê executivo da Fifa que depois de amanhã decide onde serão as Copas de 2018 e 2022.
Está é a segunda suspeita de corrupção envolvendo membros do comitê em menos de dois meses.
Em outubro, repórteres do jornal inglês "The Sunday Times" se passaram por lobistas que queriam levar a Copa para os EUA. Conseguiram ouvir de dois membros do comitê que eles trocariam seus votos por dinheiro.
Os dois, um nigeriano e um taitiano, foram afastados do comitê e multados. Restaram só 22 homens para a decisão de quinta. Há ainda a suspeita de que, com a escolha conjunta das sedes de 2018 e 2022, membros do comitê estejam trocando votos.
Disputam 2018 Rússia, Inglaterra, e os consórcios Espanha/Portugal e Holanda/ Bélgica. Para 2022, os candidatos são Austrália, Qatar, Japão, Coreia do Sul e EUA.
Dirigentes da candidatura da Inglaterra acreditam que serão prejudicados pelas reportagens do "Sunday Times" e da BBC. Andy Anson, presidente do comitê da candidatura inglesa, chamou a BBC de impatriótica e o programa de sensacionalista.
Ele chegou a falar com o diretor da rede para tentar impedir a veiculação do programa dois dias antes da escolha das sedes.
A BBC disse que o assunto era de interesse público.
Fonte: Folha de S.Paulo

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

O Palmeiras tem elenco de segunda divisão? Tem.

O desabafo do diretor de futebol do Palmeiras, Wlademir Pescarmona foi direto e verdadeiro:
- Nossa folha salarial é de time europeu mas o futebol é de time de segunda divisão.
Tirando o momento emcional de um diretor de futebol, ele está certo.
O Palmeiras não tem um time para fazer frente a muitos times no Brasil, é um time sem o mínimo padrão tático e tenho certeza que o técnico Felipão tenta implementar isso nos treinos diariamente.
É um elenco fraco mesmo, sem condições de atuar em time que tenha ambição de fazer algo em futebol.
Tenho pena do torcedor que, a cada novo jogo, se renova de esperança em ver o time jogar bem, isso não vem acontecendo há muito tempo, o Palmeiras tem colhido muito mais tristezas do que alegrias ao seu torcedor.
Esses erros tem uma fonte:
A péssima qualidade da diretoria do Palmeiras. Na verdade são torcedores emocionais que não sabem planejar, contratam mal e não entendem o que é o futebol moderno e de resultados.
para o Palmeirense que acredita que em 2011 as coisas irão melhorar, ledo engano, o trabalho deve começar na profissionalização de quem dirige o futebol do Palmeiras, e isso, nunca acontecerá.
O Palmeiras vem se apequenando a cada ano, se endividando a cada ano e perdendo torcida a cada ano.
O Triste fim de Policarpo Quaresma.


terça-feira, 23 de novembro de 2010

Dino Sani. O inesquecível

Sabe aqueles dias que são inesquecíveis na vida de quem ama o futebol? O futebol de verdade, de talento, de criação, de beleza estética e inteligência? Pois bem, tive o prazer e a honra de ter conhecido um dos melhores volantes que o mundo viu jogar. Dino Sani.
Com uma história maravilhosa e que deve encher de orgulho ele próprio, Dino Sani passou por Palmeiras, Corinthians, São Paulo, Boca Juniors e Milan entre outros clubes. Jogou na seleção Brasileira na Copa de 58 e só não foi titula em razão de uma contusão, Zito entrou em seu lugar.
Fiquei feliz de ver, conversar e abraçar um verdadeiro mito do futebol brasileiro e mundial.

Obrigado Signore Dino Sani.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

E o Corinthians dá adeus ao título de 2011.

Não adianta, 2011 acabou para o Corinthians. Se Tite, a equipe e a imensa torcida do timão acreditam que ainda têm chance, podemos acreditar no título mundial do Brasil no Rugbi.
O Palmeiras entrará com os reservas dos reservas contra o Fluminense, derrota certa para o verdão, depois o Fluminense pegará o péssimo Guarani, praticamente rebaixado no Rio, e será o jogo do título.
Tite tentou mexer com Felipão e pedir seriedade do Palmeiras contra o Fluminense, não tenho dúvida que o time que entrar do Palmeiras contra o Fluminense jogará sério, mas o time é tão ruim que não adianta ter algum tipo de esperança neste jogo.
A própria torcida do Palmeiras está pressionando forte cada jogador. Se houver outro resultado que não a derrota é pau prá todo lado.
Ontem o Corinthians jogou fora o título contra o Vitória. O Corinthians reclamou do árbitro Eugênio Simon sem razão, o penalti foi penalti e o penalti de Júlio César no atacante do Vitória foi idêntico ao penalti sofrido por Ronaldo contra o Cruzeiro.
Timão, agora é planejar 2011.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Brasil perde para a Argentina, vale para o aprendizado.

Perder para os Hermanos nunca é legal, mas nessa partida no Qatar o Brasil jogou melhor, teve mais chances, chutou mais, armou mais, desarmou bem e só não teve uma tarde feliz para o trio que Mano (e muita gente aqui no Brasil) queria ver jogando juntos: Robinho, Neymar e Ronaldinho Gaúcho.
Até que começaram bem, tocando rápido e deixando a zaga da Argentina correndo atrás dos três em boa parte do primeiro tempo.
Ronaldinho não sobrou, jogou abaixo da média, Robinho não estava inspeirado e Neymar só correria, resultado: Ataque só veloz mas pouco efetivo.
A Argentina se aproveitou do cansaço do meio-campo do Brasil e da infeliz entrada em campo de Douglas, que convenhamos, não sei o que fez Mano escalá-lo, talvez falta de opção, mas a chance dele acabou hoje na seleção, podem anotar isso.
Perdemos em boa hora, para Mano ver que é válido sim testar, mas não vale a pena tentar com jogador que não nasceu para ser de seleção.
Bola prá frente.

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Gol de Neymar é indicado ao prêmio FIFA.

O gol que Neymar fez no Santo André pelas finais do Campeonato Paulista de 2010 é indicado a concorrer ao prêmio da Fifa como o gol mais bonito do ano.
Tem chance viu...


terça-feira, 2 de novembro de 2010

Voltei. Futebol é lindo.

Meu último post foi no dia 01/10, fiquei esses 31 dias focado e tagarelando sobre política no meu blog http://www.politicagembrasil.blogspot.com/ agora, de volta a falar desse negócio, cada vez mais negócio chamado futebol.
No Brasileirão a disputa está mesmo entre Cruzeiro, Fluminenese e Corinthians. Santos e Inter assistem de longe, o primeiro atrás de um técnico e o segundo atrás do bi campeonato mundial, para eles o brasileirão acabou.
Palmeiras, São Paulo, Atlético Paranaense e Grêmio esperam, só isso.
A turma de baixo está para lá de agitada. Atlético Mineiro, Goiás, Avaí, Guarani, Atlético Goianiense e Vitória não sabem se ficam ou se vão. Só o Prudente já sabe para onde vai.
O Brasileirão deste ano foi um dos piores em público. Explica-se: Pela baixa qualidade de grandes times, pelo calendário de jogos e seus horários, pelo pay-per-view e pela série de estádios em obras que dificultam a ida do torcedor a locais não tão convidativos.
mas brasileirão é brasileirão, vale sempre a pena. Se olharmos para dentro de nós mesmos veremos que antes de cada rodada sempre estamos renovados de esperança e de ver jogos inesquecíveis.
Feliz de estar de volta e feliz pelos e-mails que recebi de amigos sentindo falta desse bate bola.
Futebol é lindo.

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Zico sai do Flamengo.

Uma notícia surpreendente envolvendo o Flamengo surgiu na madrugada de quinta para sexta-feira. Por meio de seu site oficial, Zico anunciou que deixou o cargo de coordenador de futebol do clube. A longa carta escrita pelo ex-jogador, em tom de desabafo, foi publicada por volta de 1 hora da manhã.
Segundo ele, sua presença na Gávea tem causado o descontentamento de muitas pessoas e, em função disso, sua família tem sofrido injustamente as consequências. O descontentamento de Zico tem a ver com insinuações recentes de Leonardo Ribeiro, presidente do Conselho Fiscal do clube carioca.
O dirigente levantou suspeitas sobre o acordo entre Flamengo e CFZ, clube de Zico. Embora a presidente Patrícia Amorim tenha desfeito o acordo quando o ídolo flamenguista assumiu a coordenação de futebol do clube, Ribeiro questionou a dispensa de jogadores das divisões de base rubro-negras.
“Espero que todos entendam que não posso carregar comigo a desconfiança de um dos setores mais importantes do clube, o Conselho Fiscal. E não há condições de debater com essas pessoas que estão a serviço de sabe-se lá quem ou o que, dispostas a jogar sujo e minar o próprio clube”, disse.
O agora ex-coordenador do Flamengo foi além. “Minha vida sempre foi aberta a quem quisesse pesquisar e, se não consegui levar o CFZ do Rio à Primeira Divisão do Rio, muita gente sabe que foi também por não me curvar aos desmandos de quem comandava o futebol carioca”, acrescentou.
A saída de Zico aumenta a crise que o Flamengo vive na temporada, apenas um ano depois de conquistar o Campeonato Brasileiro. Na atual edição da competição, a equipe comandada por Silas – que corre risco de demissão – ocupa a 15 colocação, três pontos acima da zona de rebaixamento.

Confira a carta na íntegra

No dia em que aceitei o convite para ser diretor-executivo de futebol do Flamengo fiz questão de me manifestar através do meu site oficial, que sempre foi minha voz, meu canal de comunicação com as pessoas que me acompanham. E não poderia ser diferente agora que venho comunicar minha saída do clube.
Considero nesse momento que não é possível fazer no Flamengo aquilo que eu gostaria. Percebo que a minha presença não tem sido favorável e, desde a minha chegada, vem causando o descontentamento de muitas pessoas. Não há condições para eu continuar.

Estou sendo atacado injustamente, principalmente através de meus filhos, que em nenhum momento se envolveram em nada que estivesse em desacordo com os conceitos éticos e morais que aprendi com meu pai. Minha vida sempre foi calcada no trabalho, no respeito e no embate franco diante dos desafios. Não posso permitir que esse duelo covarde continue a acontecer usando a minha família, que vem se desgastando nas últimas semanas.
Queria agradecer a Patrícia pela oportunidade de tentar fazer mudanças que considero importantes para o Flamengo, não apenas no futebol profissional. Meus planos seguiam pelas divisões de base, de onde eu vim, e vislumbravam a construção de um Centro de Treinamento – que sempre foi um sonho desde os tempos em que eu ainda jogava no clube. Espero que estas sementes não sejam desperdiçadas.

Tomar uma decisão como essas não é fácil. Mas espero que todos entendam que não posso carregar comigo a desconfiança de um dos setores mais importantes do clube, o Conselho Fiscal. E não há condições de debater com essas pessoas que estão a serviço de sabe-se lá quem ou o que, dispostas a jogar sujo e minar o próprio clube.

Quando aceitei o desafio de assumir o futebol do Flamengo, sabia das dificuldades e meu discurso era no sentido de uma atuação de consenso, unindo forças dentro do Flamengo. O objetivo era angariar o apoio de quem quisesse o bem do clube.

Não travo batalhas de poder e dinheiro, jamais fiz em nenhum lugar por onde passei. Minha arma na guerra sempre foi o trabalho, a transparência e a lisura com as quais segui conduzindo cada negociação que fiz ao longo desse período como dirigente. Minha vida sempre foi aberta a quem quisesse pesquisar e, se não consegui levar o CFZ do Rio à Primeira Divisão do Rio, muita gente sabe que foi também por não me curvar aos desmandos de quem comandava o futebol carioca.
Se eu cometi erros como diretor- e sou humano para isso – saibam que agi sempre no intuito de acertar e observando o que julgava melhor para o Flamengo. Em nenhum momento desonrei quem acredita em mim.

Gostaria de agradecer ainda a cada funcionário do clube que me apoiou nesse período. Infelizmente não vai ser possível cumprimentar um a um, mas espero que todos se sintam abraçados por mim. E dizer aos jogadores, a quem eu também agradeço pelo apoio constante, que eu confio na capacidade deles de superar essa situação.
Dediquei quase toda a minha carreira como jogador profissional ao Flamengo, centenário, histórico, de muitos ídolos e que me ajudou a ser quem eu sou hoje. Esse clube, onde me formei e me tornei um ídolo, precisa voltar a ser grande. O caminho da grandeza foi perdido não agora. Lamentavelmente é fruto de anos e anos de um sistema histórico incompatível com as coisas que eu acredito.
Para mim, esta quinta-feira foi um dia especial porque nasceu meu neto Antonio, mas ao mesmo tempo morreu no meu coração esse Flamengo de hoje que está representado por essas pessoas, algumas delas que sequer conheço e atuam dentro do clube como se fossem os donos.
Ao torcedor fica meu lamento e o maior agradecimento de todos. O que ouvi ao longo do tempo foi sempre apoio, incentivo, mensagens de força. Mas realmente, nesse momento sinto que a minha presença está prejudicando o clube. É preciso união e muita gente está mais preocupada em me tirar do cargo do que com o Flamengo. Portanto eu saio.
Para encerrar, quem me conhece sabe que as acusações levianas envolvendo a minha família e o CFZ não vão ficar no esquecimento. Faço questão de ir atrás judicialmente de tudo o que foi dito dentro e fora do clube.
Até a próxima!

Fonte: Placar

sábado, 18 de setembro de 2010

Neymar. Era para ser inesquecível.

Neymar vem de família humilde como quase 100% dos jogadores brasileiros. Tem uma família que sempre o apoiou para o futebol até porque com o raro talento que demonstrava poderia ser a alça para uma vida melhor de todos eles.
No passado, dias difíceis, muito ônibus para ir para a escolinha, passar por baixo da catraca com o olhar complacente do cobrador, lanche com pouca margarina para economizar e na ponta do tênis surrado a esperança de ser um jogador profissional.
A maior alegria, o sonho mais dourado e mais intenso seria jogar bola e poder viver disso.
¨Imagina só, Neymar vestindo a camisa do Santos¨, entrando no campo, conhecendo os jogadores de futebol, ir treinar e ser reconhecido no bairro como jogador do Santos, jogador profissional!
Acreditem, Neymar sonhava com isso, esse era o limite intransponível de felicidade absoluta de sua vida.
Eis que se torna o Neymar.
O jogador mais talentoso ( do mundo, quem sabe) em 2010, fazendo parte do time com o melhor ataque do mundo no primeiro trimestre de 2010.
Ele, estrela tão intensa, ou mais, que Robinho, que já jogou lá no Real Madrid, que jogou Copa do Mundo e que joga com Neymar, sai com Neymar, fica amigo do Neymar.
Neymar, Robinho, Ganso, Wesley e André, a geração de ouro do futebol brasileiro.
O povo brasileiro, não só o do seu bairro, aclamava por Neymar na Copa da África do Sul, além do povo, Pelé, Juca Kfouri, a Rede Globo, o Galvão Bueno... Neymar é o cara!!
Mas Neymar pode mais, Neymar pode ir jogar no Chelsea, pode ir para o Milan, para o Real Madrid, para o Barcelona, todos querem Neymar.
O sonho intransponível foi ultrapassado.
Já não era só ser reconhecido no seu bairro que bastava, era o mundo, eram as campanhas publicitárias, era poder escolher qualquer carro que desejasse, qualquer correntona de ouro com um enorme ¨N¨de pingente, daqueles pesadões mesmo, tudo era possível.
Aí...
Aí o mundo ficou pequeno para o talento e genialidade de Neymar, quem ousa criticá-lo? Quem se imagina marcando Neymar com eficiência e ai de quem falar que Neymar não é o cara, que não pode bater penalti, que pode gritar com Neymar?
Neymar é rico...rico não, milionário. Pode tudo e mais do que isso, pode achar que tudo que está à sua volta é chato.
- Que saco Neymar ter que jogar contra esses jogadorezinhos medíocres...
- Quem esse Edu Dracena acha que é para dar um esporro em Neymar...deve ganhar muito menos, nunca chegará onde ele já chegou.
- Esse Dorival Jr, é uma besta, quem ele acha que é para não deixar Neymar bater o penalti, ele é o Neymar! O Neymar da seleção, o Neymar que disse não ao Chelsea, o cara!!!
E aquele sonho de felicidade pura? E jogar por ser bacana com aqueles jogadores profissionais do Santos, e ser reconhecido no seu bairro?
Acabou.
Neymar está mudado. Mudaram o Neymar. Neymar mudou Neymar.
Que saco ter que jogar bola.

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Luxemburgo não cairá para a série B do Brasileirão


Nunca!
Isso nunca acontecerá com um técnico tão top como Luxa. Ele não se permite isso, um dos melhores e mais inteligentes técnicos do mundo, que mais sabe usar a palavra estratégia em campo? Nunca um profissional desse calibre visitará a série B, pelo menos é o que ele pensa.
Luxemburgo foi um dos técnicos que mais ganhou títulos no Brasil, é da linha do motivacional, a palavra que mais usa nas suas preleções é: Porra! que se bem gritado nos ouvidos dos jogadores tem um efeito impressionante.
Por onde passou Luxa deixou títulos, e inimigos odiosos de sua pessoa.
Luxa quase que indiscutivelmente monta grandes times, times caros e de jogadores nos quais confia e que seguem sua linha de trabalho.
Por onde passou Luxa deixou os times em situação financeira tão precária que todos os clubes pós Luxa sofreram anos até se recuperarem, ou quase.
Luxa não é técnico, é manager.
Ele é apaixonado por esta palavra, ama ouvir isso, fala que quando entra em um clube é para dar um choque de gestão, que supervisionará todas as categorias de futebol do clube que o contratou.
Invariavelmente Luxa lança sim jogadores jovens, a maioria do Iraty, clube que todos sabem tem participação como sócio.
Ele traz o jogador, lança no time, dizem por aí que ganha comissão do clube que vendeu, da família do jogador participando em percentual do que o profissional ganhará e ganha do empresário, quase sempre dividindo o percentual.
Aí a coisa toda estraga.
Luxa passa a pensar nas cifras e não no projeto de futebol para o clube (por mais que diga isso o tempo todo), arrisca-se como empresário em outras áreas como a sua universidade ou escola de futebol, que hoje encontra-se em estado de total penúria e seus franqueados em litígio contra Luxa.
Luxa não ganha nada faz muito tempo, ainda mantém o seu estilão European Manager mas o fato é que ele tem passado muito tempo sem ser sombra do que foi quando usava abrigo esportivo em campo e não os Armanis.
Luxa não cai, mesmo o Galo, coitado, com enormes chances de ir novamente para a série B, Luxa não cai.
Anotem:
Luxa já já arrumará um embróglio, brigará com uma torcida, com um diretor, com um ou mais jogadores (como fez com Tardelli, Diego Souza e Ricardinho, barrando-os do time), e dirá que o profissionalismo do Galo acabou e que ele sairá.
Anotem, Luxa não cairá nunca para a série B.

quinta-feira, 8 de julho de 2010

O tema da Copa do Mundo da África



A melodia é maravilhosa, o ritmo é lindo. Vale a pena guardarmos para nós.
Abaixo a letra.

Ooooooh Wooooooh

Give me freedom, give me fire, give me reason, take me higher
See the champions, take the field now, you define us, make us feel proud
In the streets are, exaliftin , as we lose our inhabition,
Celebration its around us, every nation, all around us

Singin forever young, singin songs underneath that sun
Lets rejoice in the beautiful game.
And together at the end of the day.

WE ALL SAY

When I get older I will be stronger
They’ll call me freedom Just like a wavin’ flag
And then it goes back
And then it goes back
And then it goes back
And then it goes

When I get older I will be stronger
They’ll call me freedom
Just like a wavin’ flag
And then it goes back
And then it goes back
And then it goes back
And then it goes

Oooooooooooooh woooooooooohh hohoho

Give you freedom, give you fire, give you reason, take you higher
See the champions, take the field now, you define us, make us feel proud
In the streets are, exaliftin, every loser in ambition,
Celebration, its around us, every nations, all around us

Singin forever young, singin songs underneath that sun
Lets rejoice in the beautiful game.
And together at the end of the day.

WE ALL SAY

When I get older, I will be stronger
They’ll call me freedom
Just like a wavin’ flag
And then it goes back
And then it goes back
And then it goes back
And then it goes

When I get older I will be stronger
They’ll call me freedom
Just like a wavin’ flag
And then it goes back
And then it goes back
And then it goes back
And then it goes

Wooooooooo Ohohohoooooooo ! OOOoooooh Wooooooooo

WE ALL SAY !

When I get older I will be stronger
They’ll call me freedom
Just like a wavin’ flag
And then it goes back
And then it goes back
And then it goes back
And then it goes

When I get older I will be stronger
They’ll call me freedom
Just like a wavin’ flag
And then it goes back
And then it goes back
And then it goes back
And then it goes

Wooo hooooo hohohohoooooo

And everybody will be singinit

Wooooooooo ohohohoooooo

And we are all singinit

segunda-feira, 5 de julho de 2010

Como é feita a Jabulani

A Bola da Copa da África gerou uma quantidade absurda de críticas e apoios, independentemente da qualidade final, vale a pena ver o vídeo da Adidas do processo produtivo dela.

domingo, 4 de julho de 2010

Locutor Espanhol alucinado

Muito bom este vídeo que mostra o descontrole de um narrador e um comentarista da Espanha no gol de Villa contra o Paraguai pelas quartas de final da Copa.



sexta-feira, 2 de julho de 2010

Acabou a Copa do Mundo.

Acabou.

Vai começar!

São 10:55hs.
Começou o hino Holandês.
Torço, rezo, peço. imploro e sonho com uma vitória do Brasil. Eu e mais 190 milhões de brasileiros.
Vamos ver, vou para o sofá tremer.

domingo, 27 de junho de 2010

Kaká X Juca Kfouri - Bate-boca em nome da fé.

Aconteceu esta semana.
Em uma entrevista na África Kaká fala ao reporter André Kfouri sobre a sua condição física para os jogos da Copa, Kaká responde e depois dirige a entrevista para falar da perseguição religiosa que Juca Kfouri tem feito à ele em razão de sua fé.
Eu ví a reportagem e os comentários do juca Kfouri, em nenhum momento ele se referiu à religião de Kaká de maneira a criticar ou ser preconceituoso.
Nessa, Kaká errou feio.


sábado, 26 de junho de 2010

Uma parada na África do Sul

Um amigão meu, Paulo Sérgio, está na África do Sul, ele´trabalha com propaganda e está de férias, diga-se bem: Que férias.
Ele planejou a ida para a Copa de 2010 quando a de 2006 terminou, tentei fazer o mesmo...estou em casa.
Falei com ele a pouco, antes do jogo entre Uruguai e Coréia do Sul, ele está na cidade e entrou em uma Lan house, falamos pelo Skype.
Me disse que o trânsito é mesmo infernal, demora 45 minutos, em dia de jogo, para andar 3 kilometros, eu disse que aqui na Marginal Pinheiros também é igual.
Uma coisa que o Paulinho me disse e fiquei pensando sobre o assunto:
O que acontecerá com os estádios maravilhosos após a Copa?
É fato que na África do Sul o futebol não é lá muito levado à sério, o negócio deles é o Rugbi.
Na conversa ele me disse: Waltão, o que vai acontecer aqui? Tá tudo lindo, pintado, com bandeiras das nações em todos os cantos, policiamento bem distribuído e muita, mas muita gente.
Me disse que em Cape Town (Cidade do Cabo, que é uma das sedes) disseram para ele que a área do estádio ficava sempre muito vazia e isso deve voltar a acontecer após a Copa. pena.
Eu ouvi na CBN na semana passada um consultor especializado em estádios dizer que as novas arenas são projetadas para, além do futebol, ter receita extra (lojas, restaurantes etc..) mas isso não basta, para um estádio entre 65 e 75 mil lugares é necessário ter 52 eventos por ano para gerar renda.
No Brasil, se pensarmos bem, isso já acontece, temos, em média, 1 jogo por semana independente do campeonato (estadual ou nacional), isso deve ajudar a manter o estádio, além disso existe sim a oportunidade de locação para shows e eventos de empresas.
Na África do Sul isso não vai rolar, o que ele me disse é que as autoridades locais simplesmente não sabem o que fazer com o que ficar após a Copa.
Triste para não dizer outra coisa. A Fifa tem razão em levar uma Copa do mundo para o continebte africano, a falha é não ter planejamento para saber o que fazer após o torneio.





sexta-feira, 25 de junho de 2010

Chegaram as oitavas, vamos aos palpitões

Agora a Copa entra na fase do mata-mata, saem aquelas melecas de times sem expressão, que estão na Copa muito mais por politicagem da Fifa do que pela competência de cada um.
Itália e França estão de férias, sinto pena mesmo dos seus torcedores e amantes daqueles países e agora vão acompanhar a Copa e só. Acompanhar.

Vamos aos jogos:

Uruguai X Coréia do Sul
Deve dar Uruguai, tem bom ataque, estão motivados e jogam mais mesmo do que os Sul Coreanos.

Estados Unidos X Gana
O time norte americano está jogando como nunca jogou em sua história. É rápido demais no ataque, tem um bom meia de ligação e não são mais tão inocentes. Gana é o representante do continente Africano, mas como sabemos, isso não basta. Palpite: EUA passá para as quartas.

Holanda X Eslováquia
Para quem esperava um confronto entre Holandeses e Italianos terá que se contentar em ver a eslováquia jogar.
Holanda, na minha opinião, é um dos melhores times da Copa, vai passar fácil pelo time Eslovaco que ganhou da Itália muito mais por demérito e falta de compet~^encia da Azurra.

Brasil X Chile
Vou torcer pelo Brasil. Mas me dá muito medo imaginar o time sem Kaká e Robinho. Pior ainda..com Júlio Baptista.
Dá Brasil, para a Copa continuar legal.

Argentina X México
Messi e mais 10. Quero ver mesmo se o craque Argentino jogar mal.
Deve dar Argentina.

Alemanha X Inglaterra
Clássico bacana, pode dar qualquer um. Se Rooney jogar bem fará a diferença.
A Alemanha está encaixando melhor.
Chute total: Alemanha passa.

Paraguai X Japão
Se o Japão jogar como fez na sua última partida contra a Dinamarca, passa fácil, a defesa do Paraguai é lenta e se a dupla Hona e Endo jogarem vão passar.

Espanha X Portugal
Espanha é muito mais time, Portugal me decepcionou hoje no primeiro tempo contra o Brasil, apenas Cristiano Ronaldo na frente e duas linha de quatro marcando, parecia mais uma Nova Zelândia mais qualificada. Se jogar assim contra a Fúria, volta para casa.

quarta-feira, 16 de junho de 2010

quarta-feira, 9 de junho de 2010

São Paulo fora da abertura da Copa do Mundo no Brasil


O comitê paulista para a Copa do Mundo de 2014 desistiu de tocar o projeto de reforma do Morumbi aprovado pela Fifa para receber as semifinais e que credenciaria tecnicamente o estádio a ser forte concorrente ao jogo de abertura do Mundial.

Sendo assim, enviará à Fifa um projeto mais modesto, no qual as obras no estádio deverão custar entre R$ 250 milhões e R$ 280 milhões. O projeto anterior, aprovado pela Fifa, previa gastos de R$ 630 milhões, valor considerado economicamente inviável pela cúpula do São Paulo.

O novo projeto que será levado à Fifa não apresentará as soluções que foram previstas na versão aprovada. Não haverá, por exemplo, rebaixamento do gramado nem a demolição de dois níveis de arquibancada para a construção de apenas um nível. Eram justamente essas duas intervenções que encareciam tanto o projeto.

Em uma nota o comitê paulista diz que "as exigências da Fifa para um estádio ter direito ao jogo de abertura da Copa são grandes e demandam intervenções excessivamente dispendiosas".

Assim, a entidade continuará a apoiar o Morumbi como sede paulista, "ainda que seu projeto de requalificação não atenda a todas as exigências da Fifa para sediar a partida de abertura".

As garantias financeiras que vão ser apresentadas ao Comitê Organizador Local preveem que R$ 60 milhões serão provenientes do financiamento do BNDES e que o resto virá de parceiros do São Paulo.

O clube já firmou parceria com Nestlé, Visa e Volkswagen e está em negociação com mais três empresas.

Quanto à linha de crédito do BNDES, o São Paulo ainda não definiu se usará um banco repassador ou solicitará à Camargo Corrêa que tome o empréstimo em seu lugar.

PIRITUBÃO

Na nota, o comitê paulista mais uma vez refutou a possibilidade de que seja erguido um estádio em Pirituba (zona norte). Segundo o órgão, a construção de uma nova arena habilitada para receber a abertura da Copa consumiria mais de R$ 1 bilhão, quantia que inviabilizaria o projeto.

Concorrentes de São Paulo a receber o jogo de abertura, Belo Horizonte e Brasília trabalham com o cenário de que receberão o primeiro jogo.

Fonte: Folha de S.Paulo

sábado, 5 de junho de 2010

Neymar despenca de produção. Motivo? A seleção Brasileira.


Quando viu seu nome fora da lista de convocados para a Copa da África do Sul, o santista Neymar deu de ombros.

Mas, desde aquela manhã de 11 de maio, o atacante de 18 anos não foi o mesmo, tanto fora de campo quanto, principalmente, nos jogos.

Desde então, ele atuou cinco vezes pelo Santos e não foi nem sombra daquele Neymar que infernizou os adversários em confrontos do Paulista e da Copa do Brasil.

Seja por coincidência, cansaço físico ou pela frustração da não convocação, o fato é que o rendimento de Neymar caiu bastante.

Ele ainda dribla bastante, lidera a estatística no Brasileiro-2010, mas suas médias de gols e de finalizações caíram. Ao mesmo tempo, está errando mais passes e perdendo mais a bola.

Para piorar, envolveu-se em polêmicas no clube, sendo punido por se atrasar na chegada à concentração, e causou descontentamento nos próprios santistas ao provocar o corintiano Chicão antes do clássico de domingo, no qual mal tocou na bola e seu time perdeu por 4 a 2.

De acordo com o técnico Dorival Jr., o mau desempenho recente de Neymar tem ocorrido por cansaço físico e, principalmente, mental.

"O Neymar teve uma queda de rendimento natural em razão de tudo o que está passando. Tivemos uma série de episódios que desequilibram o jogador. Isso está sendo trabalhado e será bem contornado", afirmou o treinador.

Dorival também reclamou da fama de "cai-cai" que passou a acompanhar o atleta.
"Aquilo tudo o que foi falado, de o Neymar ser 'cai-cai', o tem prejudicado muito. Os juízes passaram a encarar dessa maneira e estão mandando a partida seguir a cada falta que ele recebe. Isso precisa mudar", declarou.

No domingo, diante do Vasco, o Santos não terá Neymar, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, nem o volante Arouca, que continua com uma lesão na panturrilha direita.

Madson fará a dupla de ataque com André, e Rodriguinho será o substituto de Arouca. No gol, Rafael novamente será o titular, deixando Felipe no banco de reservas.

fonte: Folha online

sábado, 29 de maio de 2010

O fim do Império do amor. Adriano e Love brigam em festa.


Depois da separação amigável no campo esportivo, o Império do Amor acabou com um divórcio litigioso fora dele. Segundo o colunista Ancelmo Gois, do Jornal "O Globo", Adriano e Vagner Love brigaram feio na sexta-feira por causa de uma mulher na festa de despedida do Imperador, que rescindiu seu contrato com o Flamengo para jogar no Roma, da Itália.

Diz o colunista que Vagner Love foi expulso por Adriano de sua casa. Love teria saído chorando do condomínio onde o ex-companheiro de ataque mora, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.
Fonte: Globo.com

domingo, 23 de maio de 2010

O jogo impossível: Atlético de Bilbao X 200 crianças




O time profissional do Atlético de Bilbao disputou, no último dia 17, um jogo no mínimo inusitado: de um lado, os onze jogadores da equipe. Do outro, 200 crianças. Mesmo com três goleiros, os pequenos acabaram derrotados por 5 a 3.

O jogo serviu de homenagem para Etxeberria, ídolo do clube, que se retirou do futebol após 15 anos de carreira. A "Partida Impossível", como foi chamada, terminou com vitória dos profissionais. Mas o resultado foi o que menos importou.

A vitória aconteceu por uma razão óbvia: os 200 garotos, é claro, não entraram em campo ao mesmo tempo. Cada etapa do jogo teve "só" 100 pequenos com fome de bola. O vencedor da Liga dos Campeões e melhor técnico do Mundo José Mourinho, por exemplo, poderia escalar o adversário do Bilbao num arrojado 50-25-25.

Se todos conseguiram pelo menos encostar na bola não se sabe. O fato é que os mais de 20 mil presentes ao estádio, entre torcedores e pais, devem ter gostado do que viram. Diversão e gols certamente não faltaram.
Fonte: Lancenet

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Ação da Heineken. sacada genial, assistam.

Uma das melhores ações de marketing que eu já vi:
Essa é da Heineken.
Namoradas, chefes e professores de alguns apaixonados por futebol pediram a eles para assistir a um concerto de música clássica no mesmo dia e horário do jogo.
Foi uma grande sacada, na hora do evento, 15 minutos se passam com muita música clássica e de repente...Vejam e se deliciem.
Parabéns à Heineken e para a sua agência.


segunda-feira, 17 de maio de 2010

Vasco X Palmeiras: O pior jogo do ano


Comecinho de noite de domingo, chamos dois amigos para assistir o jogo entre Vasco e Palmeiras, pela levada da rodada podia dar Palmeiras, pois, no domingo, nenhum time da casa venceu.
Cerveja na nossa mesa e começa o jogo.
O pior do ano até agora.

para não dizer que o jogo foi patético, triste e vergonhoso em termos técnicos, ainda ficou no 0 X 0.
O palmeiras, até os 35 do primeiro tempo tinha dado exatos ZERO chutes a gol, contra 10 do vasco.
O Palmeiras não conseguia passar do meio campo, era volante para tudo que é lado chutando para onde o nariz apontava.
Aí o Vasco pegava a bola e conseguia chutar para a lateral...é...lateral. E esse foi um lance de chute contra o gol do Palmeiras.
Pela primeira vez na vida fiquei com pena das duas torcidas em um mesmo jogo.
A câmera focava nos rostos tristes, olhos fundos, sem a mínima esperança de ver um daqueles times chegar a algum lugar.
Foi o pior jogo de 2010 até agora, e olha que eu vejo jogo para caramba. Daqui, da Espanha, da Itália, Inglaterra, França e até Russia.
Esse jogo foi imbatível.
Quando imaginei ter visto tudo de ruim, ainda me vejo prestando atenção no António carlos, técnico do Palmeiras dizendo que o jogo até que foi bom, pois o time não tinha tomado nenhum gol contra o vasco.
É duro a gente ver dois times com a tradição de Vasco e Palmeiras comemorarem (meio sem jeito, é verdade) o 0 X 0 do jogo.
Sinceramente, vendo o palmeiras jogar com um time desses, principalmente um ataque recheado de bagres, arrisco meu palpite:
Fica entre a 10 e a 15 posição no Brasileirão deste ano, podem anotar.

domingo, 16 de maio de 2010

Kaká pode ir para o Chelsea em proposta milionária.


O Chelsea está disposto a pagar 40 milhões de libras (R$ 103 milhões) para tirar Kaká do Real Madrid, noticia deste domingo o jornal britânico "News of the World".

Segundo o periódico, que sai sempre aos domingos, Roman Abramovich faria esse esforço atendendo a um pedido do técnico Carlo Ancelotti, admirador confesso do futebol do brasileiro.

Kaká e Ancelotti passaram vários anos juntos no Milan, onde ganharam a Liga dos Campeões (2007). O jornal não descarta também a possibilidade de que o jogador vá emprestado ao Chelsea.

A notícia reforça os rumores de que o Chelsea está disposto a investir muito para a próxima temporada. No sábado, o jornal "Daily Mirror" informou que o clube também deu os primeiros passos para tirar o espanhol Fernando Torres do Liverpool.

Fonte: Lancenet

terça-feira, 11 de maio de 2010

19 de 23. 83%. Tá bom Dunga, vc foi quase foi perfeito

Dos convocados por Dunga e pelos meus convocados, foram 19 da minha lista se comparado com os 23 do Dunga.
Ele foi quase perfeito.

Goleiros:
Júlio César - Acertei
Gomes - Acertei
Doni - Votei em Victor

Laterais:
Maicon - Acertei
Daniel Alves - Acertei
Gilberto - Acertei
Michel bastos - Acertei

Zagueiros:
Juan - Acertei
Lúcio - Acertei
Luizão - Acertei
Thiago Silva - Votei em André Dias

Meias:
Gilberto Silva - acertei
Felipe Melo - Acertei
Josué - Acertei
Cléberson - Votei em Ronaldinho gaúcho
Elano - Acertei
Ramirez - Acertei
kaká - Acertei
Júlio Batista - Acertei

Atacantes:
Luis Fabiano - Acertei
Nilmar - Acertei
Robinho - Acertei
Grafitte - Votei em Adriano

Quaaaassseeee Dunga.

Os meus 23.

Só se fala nisso. Quem entra na lista de Dunga, Ganso vai ou não, Neymar vai ou não, Ronaldinho Gaúcho? sei lá.
Por brincadeira e porquê amamos esse negócio todo aí vai a minha lista e à tarde vamos ver quanto acertei dos nomes do Dunga.

Os 23
Goleiros: Júlio César, Victor e Gomes
Zagueiros: Lúcio, Juan, Luisão e André Dias
Laterais: Daniel Alves, Maicon, Gilberto e Michel Bastos
Meias:Elano, Felipe Melo, Gilberto Silva, Josué, Júlio Baptista, Kaká, Ramires e Ronaldinho Gaúcho
Atacantes: Adriano, Nilmar, Luiz Fabiano e Robinho

Os 7 (que complementam os 30)
Zagueiros: Naldo
Laterais: Roberto Carlos e André Santos
Meias: Ganso e Cléberson
Atacantes: Diego tardelli e Grafitte

Tá feito.

sexta-feira, 7 de maio de 2010

A nova camisa do Corinthians para o Brasileirão 2010


O Corinthians vai começar sua caminhada no Campeonato Brasileiro com uma nova camisa. A estreia do novo uniforme será neste domingo, quando o clube recebe o Atlético-PR no estádio do Pacaembu.

As camisas para a temporada que marca o centenário do clube trazem detalhes em dourado alusivos aos 100 anos da equipe, além dos louros em torno das datas "1910-2010" sob o distintivo.

A parte traseira da gola tem estampados os dizeres "Tu és orgulho", trecho do hino do time alvinegro. Outra novidade é a cor totalmente preta da camisa II do time, sem as tradicionais faixas brancas na vertical.

Os modelos que serão comercializados terão apenas dois dos patrocinadores.

As camisas trazem detalhes em dourado alusivos aos 100 anos da equipe; na parte traseira da gola tem os dizeres "Tu és orgulho"

Fonte: folha online

domingo, 2 de maio de 2010

A FIFA avisa: A Copa 2014 pode ir para a Inglaterra.


Em oitenta anos de Copa do Mundo, dezesseis países já sediaram o evento. Apenas quatro experimentaram a oportunidade de fazê-lo de novo. Em outubro de 2007, o Brasil foi escolhido como o quinto país a ter o privilégio de receber pela segunda vez o maior espetáculo esportivo do mundo. Em dois anos e meio de preparação, porém, o que deveria ser motivo de euforia aos poucos vai se transformando numa fonte crescente de preocupação.

A quatro anos do início do campeonato, a única realização concreta até hoje foi a escolha das doze cidades-sede – e nem isso ainda está devidamente definido. As obras de infraestrutura não começaram e os estádios só existem nas maquetes. Pelo cronograma imposto pela Fifa, as arenas já deveriam estar sendo erguidas desde janeiro passado. Como nenhum tijolo foi movido, prorrogou-se o prazo para março. Mas, de novo, nada aconteceu.

O derradeiro "limite" – também não levado a sério pelos organizadores – termina nesta semana. A Fifa, preocupada, enviou um alerta ao governo sobre a existência de um plano de contingência. Se o Brasil continuar descumprindo as metas e os prazos estabelecidos pela entidade, a Inglaterra já estará pronta e preparada para receber a Copa de 2014.

O risco de o Brasil pagar o maior mico da história dos mundiais – até hoje nunca houve um caso de descredenciamento às vésperas da competição – é muito baixo, mas os alertas emitidos devem ser levados em conta. A azáfama da Copa da África do Sul corre o risco de se repetir no Brasil. A advertência da Fifa funciona como estratégia de pressão.

A mesma tática foi utilizada para acelerar os preparativos na África do Sul em 2008, dois anos antes do primeiro jogo, quando também foram constatados atrasos no cronograma de obras e, naquela ocasião, se sugeria a Alemanha como alternativa. Hoje, a África está pronta para realizar o Mundial. No caso do Brasil, a revelação do plano B tem o objetivo imediato de tentar engajar na marra as autoridades envolvidas.

Com uma economia cinco vezes maior que a do país africano e sem as mesmas dificuldades de captar investimento, o Brasil está muito atrasado. Em 2006, com dois anos de preparação, os sul-africanos já haviam começado a construção de dois estádios, inclusive o Soccer City, o palco da abertura e da final do campeonato. No Brasil, para não dizer que tudo se encontra no marco zero, Mato Grosso é o exemplo de agilidade. Já começou a erguer os tapumes do canteiro de obras do futuro estádio.

O problema é que a Copa do Mundo não sairá do papel sem dinheiro público, segundo já admitiu a organização, o que necessariamente envolve políticos e a velha politicagem – a vilã do atraso do cronograma. Dos doze governadores que receberão as seleções em 2014, cinco estão disputando a reeleição, seis se esforçam para eleger seu sucessor e ainda há o caos político no Distrito Federal, uma das subsedes, que está sob a ameaça de intervenção federal.

"Os governadores só vão encarar a Copa como problema deles depois da eleição", disse a VEJA um técnico ligado ao comitê organizador do Mundial. E acrescentou: "Por enquanto, a Copa nada mais é do que uma peça importante de promoção dos políticos junto ao eleitorado, muito útil para angariar a simpatia financeira de empreiteiras interessadas na construção dos estádios e nas obras de infraestrutura".

Pesa também o terrível costume dos governantes de não iniciar uma obra que possa ser capitalizada por um adversário. Os organizadores, por tudo isso, desconfiam que a preparação para o Mundial começará apenas a partir de janeiro do ano que vem. "Não existe plano B nenhum. A Copa será no Brasil", garante Rodrigo Paiva, assessor da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e membro do comitê organizador.
Fonte: Congresso em foco

sábado, 1 de maio de 2010

Acabou o tempo de Diego Souza no Palmeiras.


Faz tempo que a torcida uniformizada do Palmeiras, Mancha Alvi-verde, ex-Mancha Verde, têm perseguido o meia Diego Souza, e ele tem entrado nessa, atacando de volta.
Na quinta-feira passada Diego cometou o seu maior erro no Palmeiras: Entrou na provocação (histórica, diga-se de passagem) da turma do amendoim e respondeu de volta xingando-os e com gestos nada educados em direção aos velhinhos retrógrados que só sabem reclamar.
Agora a coisa contaminou, o silência de Diego em não falar sobre o assunto publicamente parece que ele não está com a menor vontade de desculpar-se, e deveria pensar em fazê-lo. Diego é um profissional, quando joga muito é aclamado pela torcida e quando não joga tem que saber aceitar as vaias, xingamentos e críticas.
Me parece que Diego quer mesmo ir embora, o seu tempo já deu no Palmeiras, seu futebol caiu muito e parece que não voltará tão cedo.
Diego, e seu empresário, desejam ir para a Europa, mas existe uma conversa entre o Palmeiras e o Inter - RS para uma troca entre Diego Souza e Edu, atacante que está meio encostado lá, e nesse momento o que o Palmeiras mais precisa é de atacante dentro e Diego fora.

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Meus leitores amigos são geniais.

cada vez fico mais orgulhoso com quem segue o meu Blog. São especiais, conhecem futebole têm opiniões que deixam absolutamente feliz em saber que existe inteligencia entre os apaixonados do futebol.
A última foi essa:
Tenho há mais de 1 mês uma pesquisa aqui para que os visitantes e leitores votem na melhor seleção em sua opinião, o resultado até agora é:

1 - Brasil
2 - Espanha
3 - Portugal

Hoje a Fifa acaba de anunciar o novo ranking das seleções, adivinhem a lista e os 3 primeiros?

1 - Brasil
2 - Espanha
3 Portugal

Vocês são demais!

quarta-feira, 21 de abril de 2010

Guarani. Vitória sobre o time B do Santos não esconde os problemas do time.


Acabei de assistir o jogo entre o Guarani e o Santos B pela Copa do Brasil, o classificado já estava definido, era jogo para cumprir tabela.
O Guarani estava engasgado com o vexame do primeiro jogo, tomar de 8 x 1 do Santos, mesmo com Neymar, Ganso, Robinho e Cia foi demais. A torcida do Guarani foi humilhada, escurraçada e envergonhada pela torcida da Ponte durante toda a semana, falei com alguns amigos bugrinos de Campinas da época que morei lá, eles me disseram:
¨Não dá nem para ir trabalhar...¨, ¨essa foi demais, 8!¨, e assim foi.
mas tinha uma coisa nisso tudo: a honra dos jogadores, da diretoria e até do técnico interino, Vaguinho.
Era tudo ou nada! Ganhar e sair da Copa do Brasil de cabeça erguida e pensar no Brasileirão da série A, pois o Bugre volta este ano.
E foi isso que aconteceu, vitória do Guarani por 3 a 2, alma lavada!, entrevistas de jogadores sorrindo, camisas atiradas para a torcida e até choro de alguns cartolas e torcedores.
Mas a história é outra.
Esse time do Guarani é horrível, não tem condição nenhuma de jogar a série A do Brasileirão 2010. esse time quase caiu para a série C do Paulista.
A estrutura que o time tem me deixou absolutamente bobo. O gramado, que não pode ser chamado de gramado, parecia, em algumas partes uma estrada de terra como disse o comentarista da SporTv, a falta de manutenção é clara, manchas de infiltração em toda a arquibancada e as rachaduras evidentes na estrutura mostra a clara falta de recursos que o Guarani mostra, não de agora, mas depois do glorioso ano de 1978 quando o time foi campeão brasileiro, a história só foi triste, pena para a torcida, pena para a cidade e pena para o futebol.
O Guarani vai estrear na série A do Brasileirão, e se continuar com o que ví e ouvi durante a semana, no fim do ano volta para a série B.
Falta gestão, falta planejamento, falta dinheiro e falta jogador, isso é claro. Peço mesmo que o Vágner Mancini dê um jeito nesse time para, pelo menos, fazer uma campanha decente.

domingo, 18 de abril de 2010

Parabéns Joel Santana. Papai Joel mandou bem.


O grande, simpático, legalzão, folgado, esperto e competente Joel Santana é o mais novo campeão carioca, com muito mérito e com bom jogo o Botafogo fez 2 x 1 no Flamengo e acaba com o campeonato este ano. Campeão da Taça Guanabara e da Taça Rio. Acabou.
Pena para o Vágner Love, que volta para a gelada Rússia sem nenhum título, sem nada, sem chance de convocação também, agora, só Vodka.
Adriano aparece na gávea quando quer, se tiver vontade ele joga, se não...não.
Adriano não joga também há bastante tempo, tá mesmo mais para a balada do que para o futebol.
Dunga, deixa de ser turrão, leva o garoto Neymar e deixa o Adriano nas baladas das favelas com seus seguidores cheios de armas e drogas.
O time do Botafogo tá longe de ser um timaço, nem de longe, mas o maior responsável por esse título é sim papai Joel, ele assumiu o time depois de tomar de 6 do Vasco e estar arrasado moral e fisicamente.
Tá aí, sem chance prá ninguém. Botafogo Campeão Carioca de 2010, levando as duas taças (os dois turnos), coisa que não acontecia desde 1998.
Valeu Papai Joel.

O São Paulo do contra tudo e contra todos.

O São Paulo tem, hoje á tarde um jogo difícil. Pega o Santos embalado, com mais talento, mais jovem e mais rápido. A motivação está do lado da galerinha santista que parece que faz troça do jeito de jogar.
É o jeito legal de jogar futebol contra o futebol padrão do São Paulo, que teve, nos seus últimos títulos sempre vitórias magras, não que isso tire o brilho, tudo valeu, é apenas o futebol que todo mundo deseja e gosta de ver com o que há de mais padrão.
O São Paulo mudou muito, está montado para atacar e atacar, adiantou Hernanes, entra com um meio campo mais avançado, tudo para buscar a vitória, isso significa presa fácil contra o Santos. Se vier com tudo não vai segurar a velocidade e talento dos novos meninos da Vila.
Arrisco aqui: Goleada do Santos e com briga no final.
O São Paulo está sob uma tensão absurda, seu goleiro, capitão e dono do time não inspira confiança, tem falahdo muito e no Morumbi ninguém tem coragem de falar isso.
Agora o São Paulo diz que confrontará a verdade, não entendi muito isso, para mim, estão desesperados por simplesmente não saber o que fazer.
Jogo imperdível e como brasileiro que ama esse esporte posso chutar e depois discutimos como foi o jogo:
Placar 3 ou 4 x 1 para o Santos. E com potencial de briga e barraco no jogo.
Vamos ver.

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Que que é isso Santos!!!


Vamos falar dos jogadores do Santos dentro das quatro linhas, não vou falar sobre as palhaçadas que Robinho e Cia têm cometido extra-campo, pois simplesmente estou apaixonado pelo futebol do Santos e dessa galerinha.
Quando um jogo do Santos vai começar, eu e alguns bons amigos nos reunimos e fazemos o nosso bolão do jogo. Detalhe, bolão só é válido acima de 3 X 0.
A graça, o talento, o jogo para frente sempre encantam até quem não sabe o que é futebol, minha esposa ontem:
- Esse Santos joga hein!
Esse time tá jogando tanto futebol que até Arouca, que foi jogado fora pelo São Paulo está jogando, e armando, no meio campo.
Ganso é uma dádiva que o peixe ganhou, joga leve e é inteligente demais, aí você vê onde a bola de ganso vai parar lá na frente:
Robinho, André e Neymar.
Neymar? Já tive, no passado, dúvida sobre esse garoto.
Triste engano, talvez ainda estivesse abobado com a mudança na sua vida e a exposição impressionante na mídia e assédio geral.
Agora acalmou, deve estar sendo bem preparado psicologicamente, pois fala com calma e sabe o que falar.
Não comenta sobre seleção, diz que está feliz pelo que se está dizendo no país todo -Dunga, chama o Neymar, (mas isso é discussão para outro post).
Ontem assisti aos 8 x 1 no Guarani.
Tudo bem que o Guarani diminuiu tanto de tamanho que não enxergamos vínculo do time de hoje com o do final da década de 70 com Zenon, Renato, Careca e Cia, mas 8 gols?
Dá gosto de ver mesmo.
Torço de verdade para esse time levar o Paulista e o Brasileiro, pois futebol bonito é esse, prá frente, bem jogado, moleque mesmo, pois essas conquistas valorizarão este tipo de jogador e ajudará a separar os técnicos cagões (3 volantes, 3 zagueiros e 1 meia recuado) e valoriza a geração que acredita na eficiência que termina em gols (3, 4 atacantes, dois meias criativos e 1 volante).
Vamos ver no que vai dar, e vamos aproveitar e ver tudo que esse Neymar tem para mostrar no Santos, pois, daqui a pouco estará no real Madrid, negociação já fechada.

quinta-feira, 8 de abril de 2010

E o Palmeirense perdeu o tesão pelo time.


Palmeiras perde outra.
De novo.
Mais uma.
Derrota.
Patético.
Xingamentos? Não.
Briga de torcida? Não.
Gritaria com técnico e time? Não.
Ferrou.

E os palmeirenses não estão nem aí, normal, é assim mesmo...
Conversei ontem com alguns Palmeirenses que assistiam ao jogo em um bar aqui em S.Paulo, quando acabou o jogo levantei e falei com uns 5 ou 6 esmeraldinos.
Foi incrível o desencanto.
- O time é ruim mesmo, nem adianta se importar. Disse um.
- É fraco, mas tudo bem, já está assim faz tempo, fazer o quê?. Disse o segundo.
- Na boa Waltão (e nem conheço o cara...), só assisti porquê passou na tv, vim para curtir com os meus amigos esse friozinho. Arrematou outro.

A torcida está desencantada, sem esperança nenhuma. Não xinga mais o time e o técnico. Quer sinal pior do que uma torcida não xingar o time? Não se importar com uma derrota?
Pois é.
O drama do Palmeiras é muito pior do que parece ser.

sexta-feira, 2 de abril de 2010

Pobres meninos da Vila. Os bolas murchas


Hoje lí na Folha de S.paulo que alguns jogadores do Santos, os considerados craques não quiseram descer do ônibus quando o time foi fazer um ato de caridade em um lar de crianças com paralisia cerebral.
Parece que Robinho, Neymar e Ganso e mais alguns não quiseram descer em razão do lugar ser dirigido e mantido por espíritas.

Dá para acreditar nisso???
Intolerância religiosa? Bem na Páscoa???
Parece mentira. Mas infelizmente não é.

Fica aqui a minha decepção profunda de seres humanos (...) que, provavelmente já sofreram discriminação em suas vidas e que agora podem ser exemplo para a garotada e aprontam uma dessa.
Se bem que Robinho nunca foi e nem será exemplo para nada. Ainda bem que para ele e para mais alguns o papai do Céu deu o dom do futebol a eles, mas parece que eles não tem mais nada, são vazios, muito vazios.
Pobres meninos da Vila. Os bolas Murchas.

sábado, 27 de março de 2010

Onde o timão vai chegar?


O Corinthians está no ano mais importante de sua história segundo a maioria das pessoas, eu não divido este pensamento, pois isso diminuiria as conquistas que o time teve no passado que foram épicos, Paulistão 77, Brasileiro 90 e assim vai.
Mas 100 é um número emblemático, é um século e um marco e a torcida, a imprensa e as outras torcidas rivais elegeram esse o ano, para o bem ou para o mal.
Mas, onde esse time vai chegar?
Na minha opinião (e depois avaliamos), em nenhum lugar.
O Corinthians está descaracterizado em seu maior trunfo. A Raça, a vontade acima da técnica e dos revézes. Esse time de velhos figurões não é o timão, é um time de vitrine, pesado, lento e que joga para o marketing e não para os seus ideais e de sua torcida absolutamente incrível ( e exigente).

Podem falar o que quiser, Ronaldo não é ídolo do Corinthians, ele é um superstar, uma figura notável do futebol do mundo, um dos maiores nomes da história do esporte bretão. E só.
Não joga há muito tempo, deixa o time lento, está gordo, tão barrigudo que parece uma caricatura de sí mesmo, é ridículo.
Manda a torcida à merda e depois pede desculpas. Ronaldo não está lá pelo Corinthians, nunca esteve, está lá pelos contratos.

Roberto Carlos, vibra, dá raça, grita, é expulso, dá carrinho...tudo para o alambrado. Ele pega na bola e dá um bicão, se entrar maravilha, se não entrar valeu pela tentativa, pois ouve um bocado de aplauso. Acertou, é verdade, ultimamente nos seus arremates, mas RC se acha o cara, maior que todos lá e passa isso em campo, não voltando mais para ajudar a sua defesa, podem ver, quando toma um gol, não tem reação nenhuma, dá as costas e olha para o alambrado, ele é amigão da torcida.

Danilo, Iarley, Tcheco, não são Corinthians, vieram para estar perto de uma libertadores e do Corinthians que traz mídia, mas estavam em decadência ou muito criticados por suas antigas torcidas.

O Corinthias do centenário é o Corinthians com menos identidade que já vi, isso é mortal para o timão, vocês vão ver.

A minha maior preocupação é: E se o timão não levar a libertadores? Me dá até arrepio. Vocês viram o que a gaviões e seus diretores fizeram no carnaval de S.Paulo quando perderam a chance de se tornarem campeãs, eles não esperavam outra decisão, é o centenário, eles tinham que ser campeões, não foram e foi aquela bandidagem geral.

vamos ver.

quarta-feira, 24 de março de 2010

Pai de atleta recomenda filho a arrumar namorada para melhorar performance

O pai de Liu Xiang, o atleta mais famoso da China e campeão olímpico nos 110 m com barreiras dos Jogos Olímpicos de Atenas (2004), recomendou ao filho que arranje uma namorada.

O conselho foi dado depois que Liu teve um desempenho discreto no Mundial Indoor de atletismo, que este ano foi disputado em Doha, no Qatar, onde o melhor resultado do chinês em sua primeira prova internacional depois de dois anos foi uma sétima posição nos 60 m com barreiras.

"Quero que ele arrume uma namorada este ano. Ele já tem 28 anos e é hora de sair com alguém", afirmou o pai do atleta, Liu Xuegen, à edição de hoje do jornal "China Daily".

A publicação diz que, além do pai do corredor, vários chineses já disseram na internet que gostariam de ver Liu com uma namorada, sobretudo depois da lesão que o afastou das pistas em 2008 e em 2009.

O atleta, que era a grande esperança de ouro do atletismo chinês nos Jogos Olímpicos de Pequim (2008), protagonizou um dos maiores dramas do evento, já que, mancando e gritando de dor devido a uma lesão no tendão de Aquiles, teve de deixar um estádio sem competir.
Fonte: Folha de S.Paulo

sábado, 20 de março de 2010

Árbitro da copa de 2002 pode ser condenado à morte.

imagem: Getty Images


O árbitro Lu Jun, que esteve na Copa do Mundo-2002, pode ser condenado à pena de morte na China. De acordo com o jornal espanhol "Marca", ele foi preso por suspeita de manipulação de resultados.

Além de Lu Jun, Zhou Weixin e Junjie Huang também estão presos. Eles teriam recebido suborno para alterar resultados de jogos. A polícia diz ter provas do envolvimento dos três.

A punição pode ir de dez anos de prisão à sentença de morte. O jornal espanhol ainda afirmou que o escândalo de corrupção atinge todos os níveis da liga de futebol da China.

Lu Jun apitou as partidas Polônia x Estados Unidos e Croácia x México no Mundial de 2002
Fonte: Folha de S.Paulo

domingo, 14 de março de 2010

Formula Indy SP - Que vergonha.


Há muito tempo na minha vida que não vejo tanta desorganização e incompetência na realização de um evento mundial.
O problema na reta do sambódromo, que levanta uma poeira absurda quando os carros passam em alta velocidade, como disse um dos pilotos:

- É simplesmente impossível enxergar o que acontece á nossa frente.

Os ¨bumps¨ ou as ondulações nas pistas são tão agressivas aos carros que parecem que eles irão desmontar durante a prova.
As empresas envolvidas na organização, a Bandeirantes, a Reunion (Marketing esportivo) estavam pedindo a Deus que a chuva não viesse para os lados do Anhembi, pelas características do circuito deixaria sem a mínima condição de pilotagem.

A Bandeirantes, propositalmente, deixava de filmar os carros quando estes entravam na reta do sambódromo em razão da poeira.
As tomadas aéreas do circuito pareciam ser feitas por celulares dada a baixíssima qualidade da transmissão.

Este evento está sendo transmitido para 200 países, vou pesquisar o que os jornais de alguns países falarão e publicarei aqui amanhã.

Claramente os organizadores dessa prova no Brasil não se prepararam para este evento, aposto, isso comprometerá a realização da Indy no ano que vem em S.Paulo.

estou escrevendo no Blog enquanto a corrida acontece, é incrível a falta de qualidade que estou vendo, não tem como comparar com as transmissões da F1 (inclusive a do Brasil), me passa a sensação de que o evento Formula Indy é familiar.

Pena acontecer isso tudo, pois a intenção de trazer este evento para o Brasil é válida, mas a gestão que vemos aplicada é a de que simplesmente não há gestão.

Contei até agora (13:54hs), 3 bandeiras amarelas por razões de batidas, e carros que soltaram peças.

Agora, ás 14:23hs é dada uma bandeira vermelha que significa que a prova está paralisada. Até o momento tivemos das 35 voltas, umas 8 de corrida, o resto é bandeira amarela.

Fico pensando no pessoal que ama a velocidade, o esporte motor e principalmente a Indy, vocês devem estar tão decepcionados que devem pedir ressarcimento por danos morais.

De novo, é uma pena.

domingo, 7 de março de 2010

Adriano. Barraco de novo. De novo.


De novo, mais uma vez, repetiu, dobrou, pisou na bola.
É isso. Agora o Imperador faz um barraco danado na favela do Chatuba em um baile funk.
Foi mais ou menos assim:
Adriano e uns amigos foram jantar em um restaurante na Barra da Tijuca, depois ele e mais um grupo decidiram ir à favela que ele mais curte no Rio e eonde morou quando criança, a favela da Chatuba para curtir um baile funk, até aí, tudo bem.
O que não estava na programação dele é que de repente a sua noiva e personal trainer, Joana Machado aparece na festa sem ter sido convidada. Chega irada, brava mesmo começa a quebrar e jogar objetos nos carros dos amigos de Adriano, Vágner Love (claro), Álvaro e Dênis Marques por exemplo. Adriano sai da festa gritando, urrando, batendo no peito. A personal trainer (e marrenta) não fica intimidada e eleva o tom da baixaria, algumas pessoas que presenciaram o barraco disseram que ós dois se estapearam.
Quem paga o pato?
O time do flamengo e a sua torcida. O jogador foi afastado por duas partidas em razão da confusão.
Perdeu um jogo pelo estadual do Rio ontem contra o Resende e não jogará contra o Caracas pela Libertadores lá na Venezuela.
Êita Adriano...